top of page

Corujas


Temida por muitas pessoas, as corujas, são aves que em grande parte, tem hábitos noturnos. Elas se descolocam em um voo silencioso, por causa de sua pelagem macia, existem cerca de 212 espécies de corujas no planeta, sendo vistas 22 dessas espécies no Brasil.

Pertencem à Ordem Strigiformes e estão divididas em duas famílias: Tytonidae e Strigidae.4

Características

Com olhos grandes voltados para frente, elas não conseguem mover os olhos, mas podem girar a cabeça em até 270º, bicos curvos e fortes, garras com unhas afiadas e encurvadas e plumagem macia.

As corujas pequenas podem pesar cerca de 60 gramas e outras mais de 1kg. Existe uma variedade de coloração, mas no geral sua penugem é cinza, branca ou marrom, podendo ter também manchas e listras em algumas espécies.

Seus hábitos, em sua maioria, são noturnos. São predadores e adaptadas à caça em ambientes com pouca luminosidade, pois sua visão é apurada, mas não conseguem enxergar em locais sem nenhuma iluminação.

Sua audição é bem desenvolvida, no qual são capazes de perceber pequenos sons a uma boa distância, o que a ajuda a capturar suas presas.

Alimentação

As corujas são predadoras de animais, sua dieta é de acordo com cada região que vive por existirem em várias regiões do mundo.

Elas matam e capturam suas presas com a ajuda de suas garras fortes e bicos curvos e resistentes. Elas podem comer roedores, marsupiais, insetos, aves e morcegos. Quando não são muito grandes as engolem inteira.

Reprodução

O período reprodutivo varia de acordo com a região que ela pertence. É possível perceber o canto dos machos com a intenção de encontrar uma parceira. Em algumas espécies, o casal permanece sua toda a sua vida, já em outras, trocam de parceiro todo ano.

Machos tentam conquistar suas parceiras oferecendo presas e também pelo território que ocupam.

As corujas são animais que não constroem ninhos e nidificam, por exemplo, em ninhos feitos por outros animais, em cavidades no solo ou em árvores, e em depressões no chão. As corujas botam de dois a três ovos, os quais são colocados em intervalos de poucos dias. O macho não os incuba, mas é responsável por alimentar a fêmea nesse período. Quando os filhotes nascem, inicialmente apenas a fêmea é responsável por cobri-los e alimentá-los. Posteriormente o macho também participa do cuidado deles. Durante a época reprodutiva, machos e fêmeas defendem ativamente seu ninho.


3 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page